Muitos empresários ainda não têm nenhum tipo de conhecimento referente à importância que tem o registro da marca de sua empresa, alguns confundem a razão social com o nome fantasia da empresa, onde não existe qualquer ligação entre esses.

A marca hoje é um grande patrimônio que as empresas possuem, pois, o consumidor diferencia as empresas pela marca e não pelo nome fantasia. O registro da marca garante ao empresário não só a proteção da marca, mas também de empresas que podem vir a usá-la de má fé.

Muitos não sabem que o consumidor assemelha a marca a sua empresa, se tem outra empresa que utiliza o mesmo nome no mesmo ramo de atividade, o consumidor irá fazer referência de sua empresa com a outra que a utiliza de má fé, assim prejudicando sua empresa.

Outro ponto muito importante é que o empresário com seu nome reconhecido e registrado legalmente junto ao órgão federal INPI (Instituto Nacional da Propriedade Industrial), é que ele pode expandir seus negócios e vender sua franquia para pessoas interessadas em sua marca.

Como já é de conhecimento, a marca é o sinal ou expressão destinado a individualizar os produtos ou serviços de uma empresa, identificando-os de seus concorrentes. Mas a marca só confere a si um valor real desde que registrada no INPI, o que lhe garante exclusividade e, por conseguinte, proteção.

Algumas empresas investem recursos importantes para prospectar mercados e adaptar-se as suas realidades, mas somente na hora de iniciar a operação, se dão conta de que suas principais marcas, estão registradas pela concorrência, por algum distribuidor, representante ou até consultor inescrupuloso. Isto é muito mais comum do que você pode imaginar.

Recomendamos que você passe a considerar o registro de marca como um seguro, uma proteção ou melhor ainda, como um investimento para o seu negócio.